Sessão

Mostra Pequenas notas sobre pequenos gestos

Em um mundo em que Grandes Gestos (com G maiúsculo) tal como ir para o espaço
é celebrado nas Grandes Mídias, um pequeno gesto como colecionar cadáver de
inseto pode servir como um ponto de deslocamento? Esta seleção de filmes, feitos
por artistes-cineastes(com a-c minúsculo) de vários cantos do Brasil, proporciona
tempos-espaços fragmentados para celebrar pequenos gestos in-situ. Uma
chamada-ritual à ancestralidade, natureza-cultura apropriada/escavada do crânio da
Terra Mãe, um gesto próprio de artiste de se relacionar com o suporte fílmico, reencarnação efêmera de humanos e não-humanos. A maioria dos trabalhos, senão
todos, foi revelada e revivida pelas próprias mãos des artistes sem apoio
institucional.

Todos os filmes do programa serão projetados no formato original: película de super
8. São cópias únicas por sua natureza. A presença de projecionista faz parte crucial
da experiência. O programa tornou-se possível por uma rede de confiança des
artistes emprestando seus filhos únicos. Super 8 era, e ainda é, o formato perfeito
para artistes sem compromisso do circuito comercial. Diferente de bitolas maiores
como 16mm e 35mm, este pequeno formato não passava pela censura durante a
ditadura militar por sua característica amadora (a minúsculo). É pertinente refletir
sobre a produção artística em super 8 no Brasil nos dias de hoje, ainda mais com a
presença sombria de Grandes Poderes midiáticos e capitalísticos.

Curadoria e texto: Tetsuya Maruyama

Filmes da Sessão

films from the session